sábado, 3 de abril de 2010

Nasa faz foto após explosão de estrela

AFP PHOTO/NASA/ESA/J. HESTER/A.LOLL(ASU)/HANDOUT

Imagem feita nesta quarta-feira (3/3) mostra a nebulosa de Caranguejo, o corpo celeste remanescente da primeira supernova observada na história.

A foto, tirada dia 3 de março, mostra a Nebulosa de Caranguejo, conhecida também como Nebulosa da Rolha ou da Borboleta. Ela foi descoberta em 1731.

É o produto de uma supernova observada por astrônomos chineses e árabes em 1054; na época, identificada como estrela visível a luz do dia. Supernova é o nome dado a corpos celestes surgidos após explosão de estrelas de muita massa.

A supernova que deu origem à Nebulosa fica na constelação de Taurus, e foi o primeiro registro histórico de explosão deste tipo.

Ela age como uma fonte de radiação, que serve para que os pesquisadores estudem corpos celestes ocultos nela.

Em seu centro existe uma pulsar, uma estrela de nêutrons com massa semelhante a do Sol, mas com o tamanho de uma cidade pequena. A pulsar de Caranguejo rotaciona aproximadamente 30 vezes por segundo.

por Redação Galileu

Notícias / espaço

Nenhum comentário: