segunda-feira, 19 de abril de 2010

O ônibus Espacial Discivery, faz aterrissagem no Centro Espacial Kennedy.



EFE

Céu nublado na Flórida atrasa aterrissagem do Discovery
Washington, 19 abr (EFE).

- As nuvens que cobrem o céu e as chuvas no sul da Flórida obrigaram nesta segunda-feira Nasa (agência espacial americana) a adiar em quase uma hora e meia a aterrissagem do ônibus espacial Discovery, com sete astronautas.

O pouso estava previsto para as 9h48 (horário de Brasília), mas segundo a Nasa ele acontecerá às 11h23, no Centro Espacial Kennedy.

As autoridades da Nasa também habilitarão uma pista na Califórnia, caso o pouso na Flórida seja postergado até a terça-feira.

CiênciaMau-tempo atrasa pouso da Discovery

Segunda-feira, 19 de abril de 2010 - 10h39

CABO CANAVERAL — Chuva e céu encoberto impedem que o ônibus espacial Discovery retorne à Terra na hora marcada hoje, e a NASA tentará um pouso em uma segunda e última oportunidade nesta segunda se o tempo melhorar.

O Controle de Missão deu as más notícias nas primeiras horas da manhã.

Astronautas içam cargueiro da Discovery (08/04/2010)
Ônibus espacial Discovery decola (05/04/2010)
"Eu sei que vocês estão trabalhando duro”, disse o comandante da missão Alan Poindexter. "Estamos ansiosos para que uma melhora no tempo aconteça nas próximas horas."

"Vamos manter os olhos abertos nisso e informamos vocês”, disse o controle de missão.

Até o nascer-do-sol, a chuva que caiu sobre o Centro Espacial Kennedy Space Center de madrugada começou a se mover para a costa. No entanto, grossas nuvens ainda pairam e choveu um pouco – o que abortou a missão de pouso, pois o Controle de Missão não queria correr nenhum risco.

Se o tempo melhorar para uma segunda tentativa, a Discovery irá cruzar os Estados Unidos para voltar para casa da Estação Espacial Internacional.

O rastro brilhante poderia ser visto do chão, enquanto a nave passa pelos estados de Washington, Idaho, Wyoming, Colorado, Kansas, Oklahoma, Arkansas, Mississipi, Alabama, Georgia e, finalmente, Flórida.

efe.com

19/4/2010 14:12

Infonline


2 comentários:

Bottary disse...

Uma Viagem ao Espaço

É sempre bom acompanhar o avanço da ciência de uma maneira geral, seja no campo das exatas, das humanas, das sociais e, sobretudo nas ciências mé-dicas. Acreditamos que todas trazem benefícios à humanidade.
Nas viagens espaciais que deram inicio na década de 50, acompanhei os lançamentos das Apollos, quando em mesma época li o livro de Júlio Verne – “Viagem à Lua” -, o que para muitos ainda era impossível. Percebi ao longo desses anos que elas, a meu ver, não trouxeram nenhum benefício que pudéssemos hoje evidenciá-lo, mostrando um certo alívio de sofrimento, por parte de toda a humanidade.
Entrementes, olhando sob outro prisma, podemos observar que estas vi-agens nos trouxeram reflexões acerca da maravilha que é o Universo e sua harmo-nia, como obra gratificante do Criador.
Estas viagens ratificaram aqueles observadores do passado que sem ne-nhuma condição tecnológica, já diziam acerca dos mistérios do Universo.
É necessário que respeitemos toda e qualquer atitude do homem, aquele de Boa Vontade, imbuído que esteja verdadeiramente, de buscar nos enigmas da Natureza, a melhor saída para o homem em sua melhor qualidade de vida.
Quanto ao espaço ficou gravado na memória de muitos a celebre frase do eminente astronauta Yuri Gagarin: __ “ Apesar de tudo, a Terra é azul”

Bottary,

Belo Horizonte, 21 de abril de 10

Bottary disse...

Repetindo...


Uma Viagem ao Espaço

É sempre bom acompanhar o avanço da ciência de uma maneira geral, seja no campo das exatas, das humanas, das sociais e, sobretudo nas ciências mé-dicas. Acreditamos que todas trazem benefícios à humanidade.
Nas viagens espaciais que deram inicio na década de 50, acompanhei os lançamentos das Apollos, quando em mesma época li o livro de Júlio Verne – “Viagem à Lua” -, o que para muitos ainda era impossível. Percebi ao longo desses anos que elas, a meu ver, não trouxeram nenhum benefício que pudéssemos hoje evidenciá-lo, mostrando um certo alívio de sofrimento, por parte de toda a humanidade.
Entrementes, olhando sob outro prisma, podemos observar que estas vi-agens nos trouxeram reflexões acerca da maravilha que é o Universo e sua harmo-nia, como obra gratificante do Criador.
Estas viagens ratificaram aqueles observadores do passado que sem ne-nhuma condição tecnológica, já diziam acerca dos mistérios do Universo.
É necessário que respeitemos toda e qualquer atitude do homem, aquele de Boa Vontade, imbuído que esteja verdadeiramente, de buscar nos enigmas da Natureza, a melhor saída para o homem em sua melhor qualidade de vida.
Quanto ao espaço ficou gravado na memória de muitos a celebre frase do eminente astronauta Yuri Gagarin: __ “ Apesar de tudo, a Terra é azul”

Bottary,