quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Se Eu Quiser Falar Com Deus



Se eu quiser falar com Deus
(1980)


Música e letra: Gilberto Gil


Se eu quiser falar com Deus
Tenho que ficar a sós
Tenho que apagar a luz
Tenho que calar a voz
Tenho que encontrar a paz
Tenho que folgar os nós
Dos sapatos, da gravata
Dos desejos, dos receios
Tenho que esquecer a data
Tenho que perder a conta
Tenho que ter mãos vazias
Ter a alma e o corpo nus
Se eu quiser falar com Deus
Tenho que aceitar a dor
Tenho que comer o pão
Que o diabo amassou
Tenho que virar um cão
Tenho que lamber o chão
Dos palácios, dos castelos
Suntuosos do meu sonho
Tenho que me ver tristonho
Tenho que me achar medonho
E apesar de um mal tamanho
Alegrar meu coração
Se eu quiser falar com Deus
Tenho que me aventurar
Tenho que subir aos céus
Sem cordas pra segurar
Tenho que dizer adeus
Dar as costas, caminhar
Decidido, pela estrada
Que ao findar vai dar em nada
Nada, nada, nada, nada
Nada, nada, nada, nada
Nada, nada, nada, nada
Do que eu pensava encontrar





3 comentários:

Mazé Silva disse...

Todos nós queremos estar com Deus!

Nem sempre quem quer está com ele, pensa que está, mas no fundo se não existe doação, se seu coração não se abre para o perdão e se acha sempre superior a todos, apenas engana-se.

Se cada ser não calar, não encontrar-se com seus erros, com os seus conflitos, não encontrará com Deus. A Busca merece renúncia, doação, simplicidade, humildade e força espiritual para que busquemos as intransigências, os contrastes da vida, na tristeza, na alegria, nas trevas ou na luz.

Buscar a Deus não é tão difícil, mas é preciso só que tenhamos os valores mais singelos e saiba valorizar o outro ser, seu irmão, que você pensa que está sendo amigo, companheiro e no entanto não está, porquê quer superior, arrogante e prepotente.

Se queiser falar com Deus, tem que buscar o que for de mais complexo, e ao mesmo tempo o de mais simples mas na esperança de que vai conquistar.

Mazé Silva

Bottary disse...

Ola! Minha Querida Amiga Mazé,

Se eu quiser falar com Deus, é muito simples, no meu entendimento: Deitemos no travesseiro e procuremos ver no imo do ser, o que de Bom fizemos ao próximo, em todos os sentidos, inclusive sentindo quê, se assim o fizermos, estaremos com a consciência em paz conosco mesmos.

Sabemos que temos inúmeros defeitos, mas sabemos também que temos inúmeras virtudes e, uma delas, é sentirmo-nos felizes de sabermos que temos a possibilidade de falar com outrem, mesmo sendo virtualmente: Desejo-lhe que sejas muito feliz e que Ele está sempre amparando-nos em todos os momentos de nossa vida, mesmo que não tenhamos nenhuma certeza disso.

Fiquei feliz de vê-la novamente postando em seu blog.

Agora está um pouco tarde e vou descansar um pouco, mas vou ler as outras matérias com mais propriedade e fazer os comentários, pois gosto de novidades da ciência no tocante à criação Divina.

Abraços e fica com Ele!

Mazé Silva disse...

Olá meu querido amigo Bottary!!!

Meu amigo, as suas palavras são sempre muito sábias e com simplicidade você resolve rapidinho o que está está pra ser solucionado.

Bottary, quero dizer que o blog não é meu, mas sim nosso e tenho em você um amigo maravilhoso, que sempre que preciso, você está ao meu lado pra me dar forças, mesmo distante, mas a sua força espiritual e positiva sempre o acompanha e nos eleva em suas orações e nos seus momentos de reflexão.

Obrigada pelas lindas palavras e um beijo no teu coração!

Da amiga que gosta imensamente de você pelos grandes valores humanos que possuis.

Mazé Silva