quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Pai Nosso... Inlustrado Pela Crianças

Neste Tempo de Natal, Gostaria de Compartilhar Uma Linda Mensagem Que Recebi da Prof. Gertrudes.

O Maior Presente Deixado A Todos Os Povos e Nações, A Oração Que O Próprio Cristo Nós Ensinou, Desejo a Todos Um Òtimo Natal Com Muita Saúde e Paz No Coração.


segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

O Advento & Os quatro Domingos que o antecede


O Advento


Ainda continuamos no tempo do Advento, que o período em que nos preparamos para a chegada daquele que viria ao mundo para nos salvar, transformando os nossos corações em seres mais fraternos, mais unidos pela fé de continuar sendo bons filhos de Deus e na esperança de celebrar a vindo de Cristo ao mundo que a estrela reluzente fez dos homens os seguidores daquele que chegava ao nosso convívio, em 25 de dezembro onde foi considerado o ano 1º da vida cristã, marcada pelo nascimento de Jesus Cristo.

O Advento começa às vésperas do Domingo mais próximo do dia 30 de Novembro e vai até as primeiras vésperas do Natal de Jesus contando quatro domingos. É um tempo de preparação e expectativa para o Natal com a primeira vinda de Jesus Cristo. Nesse período, deveremos nos voltar para a nossa espiritualidade, vivendo momentos de reflexão, de renúncia e procuramos buscar ensinamentos para entendermos os Mistérios da Salvação.

O tempo do Advento é propício a conversão dos nossos pecados que nos levará à salvação. O tempo do Advento é tempo de esperança porque Cristo é a nossa esperança na renovação de todas as coisas, na libertação das nossas misérias, pecados, fraquezas, na vida eterna, esperança que nos forma na paciência diante das dificuldades e tribulações da vida, diante das perseguições, etc. O Advento deve ser celebrado com sobriedade e com discreta alegria, e que através de cânticos louvemos ao Senhor.

Após essa introdução que fiz sobre o Advento, irei postar aqui, uma síntese dos três primeiros Domingos do Advento, que foi escrito pelo Padre Tarcísio o meu sobrinho e que através de suas Homilias nos encaminha de uma forma mais concreta como devemos nos comportar nesse período que antecede a vinda de Cristo.

Mazé Silva




Eis as Homilias escritas pelo Padre Tarciso meu sobrinho, amigo e conselheiro, a quem eu tenho muito respeito e admiração.


1º Domingo do Advento
Início do Novo Ano Eclesiástico (Ano Litúrgico)
Ciclo do Natal

Domingo, 27 de Novembro de 2011.

Meus amados! Hoje temos a graça de iniciarmos o Novo Ano Eclesiástico, conhecido como Ano Litúrgico da Santa Igreja. Este se inicia com o Santo Advento, quando rezamos e nos preparamos para a primeira vinda do Senhor. Advento, palavra grega que significa retorno, vinda, espera... O Advento nos ajuda a preparar os nossos corações, pela penitência, sacrifício e pela oração, para a vinda do Senhor. Obviamente que Jesus já nasceu, em Belém, portanto, Sua primeira vinda já aconteceu, com a Encarnação do Verbo de Deus, no Seu Santo Natal (nascimento). Mas, sabiamente a Igreja celebra, na Sua Santa Liturgia, o Seu Natal, realizando a promessa da Sua segunda vinda, vinda espiritual em cada coração, que se prepara neste tempo propício, para receber o Rei dos reis e o Senhor dos senhores, onde Ele deseja repousar e fazer morada, como fez na Manjedoura, em Belém.

2º Domingo do Advento

Início do Novo Ano Eclesiástico
“Ciclo do Natal”

Domingo, 04 de Dezembro de 2011.

Meus amados! Neste 2º Domingo do Advento aguardamos ansiosos a chegada do Menino Deus, no Seu Santo Natal. Portanto, continua para nós o apelo do céu, iniciado no Primeiro Domingo do Advento, para que vivamos, quotidianamente, a conversão dos nossos corações para Deus. A “Jerusalém das nossas almas” prepara-se para acolher o Verbo Eterno de Deus, no Seu Natal.

3º Domingo do Advento

Início do Novo Ano Eclesiástico
“Ciclo do Natal”

Domingo, 11 de Dezembro de 2011.

Meus amados! Celebramos o 3º Domingo do Advento, também conhecido como “Gaudete Domino”, (Domingo da alegria). Nós nos alegramos, pois já estamos mais próximos do Presépio de Belém, para Adorarmos o Menino Deus, que vai chegar. Nada de papai-noel, nada de consumismo que este boneco representa, mas sim a alegria de Jesus, nosso Deus. Neste dia, também, podemos rezar o Santo Sacrifício com os paramentos rosa, que simbolizam a alegria da chegada do Senhor, no nosso meio. É o que São Paulo nos fala na sua Epístola: “Alegrai-vos incessantemente no Senhor; outra vez digo, alegrai-vos” (Fl 4, 4). No início da Santa Igreja, neste Domingo, eram feitos os escrutínios para as ordenações, portanto, é uma alegria especial; no entanto, a principal alegria é nos aproximamos de Jesus e do Deu Natal. Da mesma forma quando chegarmos perto de uma fogueira, e sétimos o seu calor, assim, também, quando chegamos perto do Presépio, sentimos o fogo do amor do Menino Deus a nos queimar. Ainda é Advento, ainda é espera... Mas já estamos bem perto da chegada do Senhor.

4º Domingo do Advento

“Início do Novo ano Eclesiástico”
Ciclo do Natal

Domingo, 18 de Dezembro de 2011.

Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo. Para Sempre seja louvado e nossa Mãe Maria Santíssima. Salve!

Meus amados! Chegamos ao 4º Domingo do Advento e nossos corações se alegram, pois já estamos bem perto do Natal do Senhor. Como nos fala o Santo Evangelho de hoje, no seu último versículo: “Todo homem verá a salvação de Deus” (v.6). Sim, a salvação vem de Deus, não do homem – como crêem os gnósticos espíritas. Ela (a salvação), pela encarnação do Verbo – que é Deus - vem habitar no meio de nós, pois Deus rebaixou-Se (kenosis), para atingir os nossos corações, nos alcançar e nos salvar. Deus rompe os Céus, e vem curar nossas feridas, com o Bálsamo da Sua Infinita Misericórdia. Ele vem visitar a humanidade, caída pelo pecado da soberba, do orgulho original, e nos conduzir ao céu... Por isso que nos rejubilamos, ao nos aproximarmos do Presépio de Belém.

Percorremos três semanas do Santo Advento, nos preparando pela oração e pela penitência, para o dia da chegada do Menino Deus. Como nos fala a Epístola de São Paulo aos Coríntios: “Pelo que não julgueis, antes do tempo, até que venha o Senhor, o qual não só porá às claras o que se acha escondido nas trevas, mas ainda descobrirá os desígnios dos corações; e então cada um receberá de Deus o louvor (que lhe é devido)” (1 Cor 4, 5). Sim, o Senhor virá, pois nos fala as Sagradas Escrituras, como, também, a Sagrada Tradição. Ele porá às claras o que está na escuridão, e descobrirá os desígnios dos corações, cf. 1 Cor. 4, 5. Ele virá para nos revelar o que somos, e nos conduzir ao que deveremos ser. A Sua luz Eterna mostrará o interior das nossas almas e nos desnudará, ou seja, poderemos ver, com os olhos de Deus, a iniqüidade e a transgressão que cometemos, devido aos nossos inúmeros pecados. Veremos os males que causam nossos pecados, quando nos afastamos da Sua graça, e o quanto precisamos da Misericórdia de Deus, para sermos salvos. Eis o sinal da bondade do Altíssimo, para as nossas vidas. Pois o sinal nos fará ver verdadeiramente como somos, para, a partir daí decidirmos, livremente, a quem queremos seguir. Se ao Senhor da luz, nosso Salvador e Redentor; ou a satanás, o mentiroso príncipe das trevas e enganador. Decidamos por Deus!...

Meus amados, o mundo está mergulhado nas trevas do pecado, e tantas vezes os nossos corações se deixam seduzir para esta escuridão, aparentemente enganadora, porque nos proporciona falso conforto, e falsa segurança. Vigiemos, pois satanás é astuto. O Senhor virá para iluminar nossas almas, nosso interior, nossas consciências, pois isso nós somos chamados a nos purificarmos, no Santo Sacramento do Perdão, na Santa Confissão. Pois esse dia será muito doloroso para aqueles que estiverem em pecado mortal, em pecado grave. Sofreremos em nossas almas por havermos aninhado a serpente, e por termos preferido satanás e suas pompas; ao invés do Cordeiro e Sua graça santificante. O pecado é sempre mais idolatrado, e tenta submergir nossas almas nas trevas do erro, na indiferença para com as coisas de Deus. O crime do aborto e o pecado contra a natureza, a sodomia, – bandeira dos tempos de hoje – são cada vez mais difundidos e aceitos pela nossa sociedade. O adultério, a impureza, como um câncer destrói nossos lares e prepara o caminho para o anticristo. Coragem, pois o Senhor não nos abandona. Ele vem em socorro da nossa fraqueza e nos convida a fidelidade. Ele nos convida a nos aproximarmos do Altar do Sacrifício da Missa, despojar nossas almas pelo arrependimento, e contemplarmos Seus Santos Mistérios. Ele nos convida a Mesa Sagrada para tomarmos o Seu Corpo, Sangue, Alma e Divindade, e nos prepararmos para o abraço do Menino Deus, em Belém, antecipado, aqui, diante do Seu Tabernáculo.

No Santo Evangelho, São Lucas narra para nós à realidade histórica a qual São João pregou e preparou o caminho, para a vinda do Senhor. Como nos diz o Profeta, as montanhas serão niveladas, as veredas aplainadas e os caminhos tortuosos endireitados, cf. Lc 3, 1-5. Pois São João é a voz que clama no deserto, o deserto dos nossos corações, que precisam ser guardados de todo pecado e preparado para receber o Cristo que vai nascer. Não deixemos que o ídolo do papai-noel ocupe o lugar do Menino Jesus, no dia do Seu Natal. Sigamos com fidelidade os Mandamentos do Senhor, tão desobedecidos e esquecidos pelos filhos de Deus. Dobremos nossos joelhos diante do Santíssimo Sacramento, e a graça santificante transbordará em nossas almas, e nos renovará. Queridos pais e amados filhos, nesses tempos tão difíceis, imitemos a Família de Nazaré, pois isto é possível sim, porque Deus nos dará a graça que precisamos, e socorrerá as nossas misérias. Empunhemos o Santo Rosário, o Santo Terço, em família, e supliquemos a proteção e a graça do Imaculado Coração da nossa Mãe, refúgio seguro para as nossas almas, particularmente nos tempos atuais. Peçamos a graça da fidelidade, para que sejamos fortes no combate e vençamos toda tribulação. E auxiliados pelo Dom do Alto, chegaremos, seguros, ao lugar do nosso repouso. Louvado seja nosso Senhor Jesus Cristo. Para Sempre seja louvado e nossa Mãe Maria Santíssima. Salve!


Pela interseção da Bem-Aventurada e Sempre Virgem Maria, Mãe de Deus e nossa Mãe, do Seu Castíssimo Esposo, São José, e São Miguel Arc’Anjo nosso protetor...

Abençoe-vos, Deus, Todo Poderoso,

Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!
Padre Tarciso Alves Maia Júnior


Vídeo do Advento: Comunhão - Advento



segunda-feira, 31 de outubro de 2011

A Humildade e o Orgulho



  Mazé Silva
Elo Geográfico


Um dos benefícios para os leitores de Blogs, sites, é de que os mesmos fujam da rotina do que está proposto na temática escolhida para ser postada, pois muitas vezes sentimos a necessidade de falarmos sobre algum tema que mesmo sem ser proposital, servirá, de reflexão, estudo, análise, principalmente para muitos de nossos irmãos que olham a vida ou o mundo com outros olhos que o nosso pai não gostaria que assim o fosse.

Se tirarmos um tempinho para fazer uma exposição de pensamento, sobre determinado valor importante na vida do ser humano, só trará benefício, pois a grandeza que poderíamos adquirir ao longo de nossa caminhada, as vezes não nos damos conta de que estamos tendo uma visão errônea desse valor que bastaria talvez uma simples leitura e ter uma certa compreensão da veracidade, valerá como uma alerta e um aviso pra que se possa ter outra visão da anterior.

A postagem do nosso amigo Adailton Moura, um amigo colaborador e possuidor de muitos valores, dentre os quais ele citou da sua humildade que estaria postando com simplicidade a matéria anterior, embora seja sua modéstia forma de agir diante das circunstâncias. E essa palavra Humildade, surgiu como um tema que pensei de ser abordado aqui pela sua relevância diante da humanidade que convivemos hoje.

A Humildade é a mais nobre de todas as virtudes e cada indivíduo deixa transparecer, através de seu comportamento, suas ações e seus atos diante dos outros. O orgulho é soberbo e esconde-se por trás da falsa humildade ou da tola e mais medíocre vaidade. Julgando-se superior, nega tudo que a humildade defende.

Perante a cristandade, a humildade é a essência da vida que Jesus nos ensinou com sua sabedoria de Pai, de mestre, onde todos os cristãos, no convívio com seu irmão, demonstrar que, não é perfeito e sem pecados. Aqueles que, glorificam-se pelo que sabe e possui, pelo status que ocupa dentro da sociedade discriminadora, agem de maneira errada, pois ninguém é melhor que o seu semelhante e veremos que o glorioso, é o Deus pai todo poderoso, o criador e o ser Supremo que deixou tudo muito bem feito para que o homem soubesse aproveitar com dignidade.

Quando Jesus por intersecção do Pai veio habitar entre nós, ele já aparecera de coração aberto, humildemente espalhando amor em nossos corações. Poderíamos nos perguntar: - O que faríamos para nos tornarmos humildes diante dos irmãos? Ela é algo que o ser humano externa, e que são vibrações que o seu coração libera e que o faz ser glorioso, mas humilde diante do esplendor e do poder e da supremacia do altíssimo.

Todos estes sentimentos são valores externos e que poderemos perceber o quanto somos minúsculos, impuro, pecador, ou posso dizer que não serei nada, diante de sua onipotência e onisciência, onde o mesmo é o consumador de nossa fé. Se nós, no ato de nosso desprendimento de sermos imperfeitos e certificarmos dessa verdade, não haverá lugar para o orgulho, para a arrogância, a prepotência, e o glorioso mestre com sua benevolência, estará contemplando a nossa verdadeira fé, a nossa solidariedade e respeito ao próximo.

Mazé Silva – Elo Geográfico

Texto redigido através de análise principalmente do Valor Humildade, e fazendo algumas referências ao orgulho com elemento de oposição ao tema.

----------------------------------------------------------------------------------

Pensando em tornar mais completo o assunto aqui proposto, pensei em finalizar a minha análise e o pensamento de alguns estudiosos, enfocando alguma citações sobre o ORGULHO, que é o oposto da HUMILDADE.


Frases de Humildade

Pensamos demasiadamente
Sentimos muito pouco
Necessitamos mais de humildade
Que de máquinas.
Mais de bondade e ternura
Que de inteligência.
Sem isso,
A vida se tornará violenta e
Tudo se perderá.
(Charles Chaplin)

A humildade é a única base sólida de todas as virtudes.
(Confúcio)

O topo da inteligência é alcançar a humildade.
(Textos Judaicos)

A humildade é a base e o fundamento de todas as virtudes e sem ela não há nenhuma que o seja.
(Miguel Cervantes)

O maior líder é aquele que reconhece sua pequenez, extrai força de sua humildade e experiência da sua fragilidade.
(Augusto Cury)

A humildade exprime, uma das raras certezas de que estou certo: a de que ninguém é superior a ninguém.
(Paulo Freire)

"O que é a modéstia senão uma humildade hipócrita pela qual um homem pede perdão por ter as qualidades e os méritos que os outros não tem!"
(Arthur Schopenhauer)

Quanto maiores somos em humildade, tanto mais próximos estamos da grandeza.
(Rabindranath Tagore)

O orgulho divide os homens, a humildade une-os.
Henri Lacordaire


"Após a experiência dos ataques repetidos, convém-me a humildade. Assim pois: paciência. Sofrer sem se queixar é a única lição que se deve aprender nesta vida."
Vincent Van Gogh

Que ninguém se engane, só se consegue a simplicidade através de muito trabalho.
(Clarice Lispector)

A gratidão é o único tesouro dos humildes.
(William Shakespeare)

Pouco conhecimento faz com que as pessoas se sintam orgulhosas. Muito conhecimento, que se sintam humildes. É assim que as espigas sem grãos erguem desdenhosamente a cabeça para o Céu, enquanto que as cheias as baixam para a terra, sua mãe.
(Leonardo da Vinci)

Seja humilde, pois, até o sol com toda sua grandeza se põe e deixa a lua brilhar.
(Bob Marley)



Vídeo: A humildade de Deus


domingo, 23 de outubro de 2011

Movimentos da Lua

Olá a Todos os Blogueiros que adoram o Unirverso...

Esta é Minha Primeira e Humilde Postagem no Blog Elo Geográfico, Eu Me Chamo Adailton Moura, e Fiquei Muito Agradecido Pelo Convide de Minha Amiga Mazè Silva (Presidente do Blog), Para Ser Um Humilde Colaborador.

















A Lua possui muitos movimentos, mas os principais são a rotação, a revolução e a translação.

O movimento de translação da Lua é o que faz em torno do Sol acompanhando a Terra. Sua duração é o de um ano, portanto, 365 dias.
A rotação da Lua é o movimento que ela faz em torno do seu próprio eixo. A revolução é o elíptico que ela faz ao redor da Terra.

Esses dois últimos movimentos tem a mesma duração, pois são realizados, em tempos iguais, num período aproximado de 27 dias e 8 horas. Devido à igualdade nas durações desses dois movimentos é que a Lua nos mostra sempre a mesma e única face.

Como a órbita da Lua também é elíptica, a distância Lua-Terra varia ao longo do período da revolução. A distância média da Lua à Terra é de aproximadamente 384 000 quilômetros.




quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Vídeo impressionante mostra viagem em órbita da Terra

 Imagens tirada a partir da Estação Espacial Internacional 
foram animação rica do nosso planeta.


   Mazé Silva
Elo Geográfico


O Homem como empreendedor e dominador dos assuntos ligados ao espaço, sempre aparece com novidades para chamar atenção ou impressionar os habitantes do nosso belo Planeta que chamamos de Terra.

Nesse vídeo que iremos mostrar a seguir e que foi uma série de filmagem onde foram coletadas imagens de uma grandiosidade, devido a sua beleza e que conduz os observadores a ficarem atônitos com estas visões impressionantes que o nosso planeta poderá nos proporcionar.

Essa raridade de imagens foram fornecidas, Isto é, capturadas da Estação Espacial Internacional (ISS) e pelo dinamismo das mesmas, tornou-se uma beleza para os olhos dos amantes do Espaço, da Astronomia e também dos que gostam de desvendar o maior número possível do desconhecido dos astros.

A trajetória ou percurso para a conquista dessa façanha fotográfica espacialmente, foi de um grande percurso, dando oportunidade aos cientistas a mostrar de uma forma mais ampla e nítida o deslumbre do tão importante astro para a vida humana.


Nota do Elo Geográfico: Mazé Silva
-----------------------------------------------------------------------------------------

Filme reúne 600 imagens tiradas na Estação Espacial Internacional

O professor de ciências, James Drake, publicou recentemente em seu blog um vídeo que leva o expectador a uma viagem fascinante sobre o planeta Terra.

O filme reúne 600 imagens tiradas na Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), que juntas formam uma animação rica em detalhes e preciosismo.
A jornada começa no Oceano Pacifico e continua pela América do Norte e América do Sul antes de entrar na Antártida.

No decorrer do caminho, é possível ver uma tempestade de raios e o foco de luz de várias cidades, como Vancouver no Canadá, ou Los Angeles, nos EUA.
Para ver mais do trabalho de James Drake acesse: http://buble.me/09b9eb

20/09/2011 17:28




Viagem em órbita da Terra


domingo, 18 de setembro de 2011

Satélite da NASA pode cair sexta-feira - risco de vítima é de 1 em 3.200



   Mazé Silva
 Elo Geográfico


Os habitantes do Planeta Terra estarão vivendo nos últimos dias de setembro para o começo de outubro, momentos de tensão, por conta da expectativa da queda de um satélite artificial, UARS (Upper Atmosphere Research Satellite), um satélite de observação atmosférica, que foi lançado ao espaço em 1991 pelo Ônibus Espacial Discovery.

Apesar de toda eficiência da NASA e da evolução da tecnologia aeroespacial, com homens formados em engenharia dentro da área astronômica como são os Astronautas e os Cosmonautas, mas as margens de erros não irão deixar de existir, pois a perfeição na vida só ficou para Deus, embora o ser humano seja dotado de uma inteligência aguçada.

Homens com QI elevado, desenvolvem projetos com tecnologia de ponta, mas as margens de erros de retornos desses instrumentos que, com todo preparo científico, sempre vai existir, assim como já tivemos ônibus espaciais que chegaram a explodir ao serem lançados ao espaço com suas missões determinadas pela NASA.

Não só agora a vida útil do UARS chegou a seu final em sua missão, mas desde 2005 já era considerado lixo espacial. Depois de tanto tempo, esses pedaços desintegrados do satélite, entrará na órbita da Terra. E esta será a primeira vez que correremos esse risco de sermos atingidos, por instrumentos oriundos do espaço, embora as possibilidades sejam pequenas.

Teremos informações fornecidas pela NASA, para que haja um certo cuidado com o que se possa ocorrer com a chegada ao Planeta Terra desses grandes pedaços que desintegraram-se desse corpo artificialmente projetado pelo ser humano.

Esperamos que esse lixo espacial ao atingir o solo terrestre não cause nenhum transtorno as nossas vidas, podendo cair em lugares onde não haja a presença de seres humanos e animais, como no oceano, rios e florestas.


Notificações do Elo: Mazé Silva

------------------------------------------------------------------------------------------

Queda do satélite da NASA

A NASA afirmou que o satélite UARS (Upper Atmosphere Research Satellite) poderá cair na próxima sexta-feira, dia 23.

Segundo a agência, a previsão tem margem de erro de 1 dia para mais ou para menos - ou seja, a queda provavelmente ocorrerá entre a quinta-feira (22) e o sábado (24).

"A reentrada do UARS se antecipou por causa de um forte aumento na atividade solar no início desta semana," disse a NASA.

Mas não há nenhuma melhora na previsão do local da queda: o satélite poderá cair em qualquer local do planeta fora dos círculos polares - entre os 57° de latitude norte e sul.

Acidente espacial

O satélite, levado ao espaço em 1991 pelo ônibus espacial Discovery, é grande demais e não se queimará inteiramente na reentrada.

A NASA calcula que 26 pedaços grandes atingirão a superfície, o maior deles com cerca de 150 quilogramas.

A chance de que um desses pedaços atinja um ser humano é de 1 em 3.200.
Esse é um cálculo para "qualquer ser humano". Se o cálculo for feito para um ser humano específico - você, por exemplo - a chance é de 1 em 22 trilhões.

Se isto acontecer, o que é muito improvável, será a primeira vez que um artefato espacial fará uma vítima. 

Satélite cairá na Terra, a chance de vítima é de 1 em 3.200.

Vídeo: Noticia apresentada no Jornal Nacional no dia 16/09/2011. Nesta noticia, a agência internacional americana -NASA avisa que um satélite artificial desativado, irá fazer sua reentrada na terra podendo se chocar com a América do Sul


Inovação Tecnológica



sábado, 27 de agosto de 2011

Buraco Negro dilacera uma estrela!

Buraco Negro




Por Aurore Simmonet AFP - Agosto de 2011

Um buraco negro, descrito como um "monstro cósmico" à espreita no centro de uma galáxia, foi flagrado no momento em que dilacerava uma estrela, anunciaram astrônomos em um artigo publicado na edição desta quarta-feira da revista científica Nature.

Em 25 de março, o telescópio orbital Swift, da Nasa, captou uma emissão de raios-X do espaço sideral, expelido claramente por uma fonte imensamente poderosa.

Uma observação mais próxima revelou um buraco negro supermaciço com massa um milhão de vezes superior àquela do sol.

O lampejo de raios-X foi um "jato relativístico" ou um jato de matéria de alta energia que jorrou da estrela à medida em que era atraída pelo empuxo gravitacional do buraco negro e foi arrastada na direção de suas entranhas.


O jato, chamado Swift J164449.3+573451, moveu-se a 99,5% da velocidade da luz.

Os buracos negros supermaciços são comumente encontrados no centro de galáxias. O buraco negro recém-descoberto tem cerca de metade do tamanho de seus similares em nossa galáxia, a Via Láctea.

Mesmo assim, são relativamente jovens perante alguns espécimes supermaciços, cuja massa foi medida em mais de um bilhão de sóis.


http://br.noticias.yahoo.com


sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Idade Moderna - Parte II

A Reforma Protestante de Martinho Lutero
Alemanha - 1517





“ O dia começava a clarear.
Na praça da Matriz iam aparecendo camponeses com seus burros, aguadeiros com seus odres e os mercadores apregoando seus produtos. O cônego saiu de casa, atravessou a praça saudando este e aquele e parou na porta da igreja onde, entre os avisos de núpcias, batismos, crismas e festas, afixou duas grandes folhas de papel. Releu-as por um instante e depois entrou. Os camponeses não se moveram para vê-las: eram analfabetos. O padre ainda ocupou a manhã com batismos e missas e depois foi almoçar. O vento brincava com as folhas da porta, mas parecia ser o único a dar-lhes atenção.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Idade Moderna

A Idade Moderna é marcada por importantes mudanças históricas





Por Rainer Sousa

Ao pensar em modernidade, muitas pessoas logo imaginam que estamos fazendo referência aos acontecimentos, instituições e formas de agir presente no Mundo Contemporâneo. De fato, esse termo se transformou em palavra fácil para muitos daqueles que tentam definir em uma única palavra o mundo que vivemos. Contudo, não podemos pensar que esse contexto mais dinâmico e mutante surgiu do nada, que não possua uma historicidade.

domingo, 17 de julho de 2011

Idade Média

A Idade Média pode nos revelar um conhecimento que vai além do signo das “trevas"


Por: Rainer Sousa


Quando falamos em Idade Média, é quase impossível não se lembrar daquela antiga definição que costuma designar esse período histórico como sendo a “idade das trevas”. Geralmente, este tipo de conceituação pretende atrelar uma perspectiva negativista ao tempo medieval, como sendo uma experiência de pouco valor e que em nada pôde acrescer ao “desenvolvimento” dos homens.
 

domingo, 10 de julho de 2011

Idade Antiga

O estudo da Antiguidade permite o conhecimento de vários aspectos do mundo atual


Por: Rainer Sousa

Quando adentramos o estudo da Antiguidade ou Idade Antiga, é bastante comum ouvir dizer que esse período histórico é marcado pelo surgimento das primeiras civilizações. Geralmente, ao adotarmos a expressão “civilização” promove-se uma terrível confusão que coloca os povos dessa época em uma condição superior se comparados às outras culturas do mesmo período.

domingo, 3 de julho de 2011

História do Mundo - Pré-história!

O homem Pré-histórico estabeleceu uma rica gama  de experiências e saberes


Por Rainer Sousa

Qual é a primeira ideia que surge na nossa cabeça quando nos deparamos com o prefixo “pré”? Geralmente, acreditamos que este recurso da língua tem como função apontar para algum período ou momento que antecede a existência ou realização de algo. Partindo desse pressuposto, quando observamos o termo “pré-história”, somos levados a crer na existência de um tempo que foi justamente anterior à História.

sábado, 25 de junho de 2011

História do Mundo - Queda do Império Romano

Os romanos influenciam várias das instituições e costumes do Ocidente.





Por Rainer Sousa

Quando olhamos para a extensão do Império Romano em um mapa, mal chegamos a imaginar que esta civilização se originou de um pequeno povoado da Península Itálica. Encravada na porção central deste território, a cidade de Roma nasceu por meio dos esforços dos povos latinos e sabinos que, por volta de 1000 a.C., teriam erguido uma fortificação que impediria a incursão dos etruscos.

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Eclipse total no “nascer da Lua” visto, a olho nu, em Fortaleza e no Brasil em 15/06/2011



    Por Mazé Silva
    Elo Geográfico


Desde os tempos mais remotos, o homem sempre teve um fascínio pelos mistérios do Universo e quando aparecia alguma novidade em relação a algum astro, a curiosidade era e ainda é imensa, pois esses enigmas ainda hoje são estudados e visto de forma que viesse a ser descoberto por especialistas na área como os Astrônomos e que hoje com a evolução tecnológica, já deu grandes avanços nesse campo da Astronomia.

sábado, 28 de maio de 2011

Bebês são capazes de prever o futuro!

Bebês são capazes de prever eventos futuros


INTELIGÊNCIA HUMANA

Bebês são capazes de prever eventos futuros usando apenas o raciocínio, sugere pesquisa


RIO - Bebês de um ano têm uma habilidade sofisticada e surpreendente: eles olham uma cena complexa e são capazes de fazer previsões sobre aquele cenário, afirma uma pesquisa realizada na Universidade de Budapeste, na Hungria, e publicada na revista "Science". O cientista Erno Téglás e sua equipe dizem que os bebês usam "raciocínio puro", que envolve a combinação de diferentes fontes de informação, guiados por conhecimento abstrato, para fazer previsões sobre que eles nunca viveram.

Este tipo de análise é diferente da previsão de um evento futuro baseado na frequência com que ele aconteceu no passado. Enquanto muitos seres são capazes de fazer essa última avaliação, as análises "só de olhar" realizada pelos bebês estão no cerne da inteligência humana, de acordo com os autores.

Eles exibiram vídeos nos quais formas coloridas se moviam dentro de um contêiner com uma abertura no fundo. Depois de um tempo, o contêiner era tirado do campo de visão deles, enquanto uma das formas saía do recipiente. Diferentes vídeos variavam a proporção de cores, a proximidade do objeto e da abertura, e o tempo que demorou para a forma deixar o contêiner.

Baseado no tempo que as cenas prenderam a atenção dos bebês, os autores concluíram que eles estavam usando puro raciocínio para prever que o objeto deveria sair do contêiner. Esses resultados concordaram com o modelo do chamado "observador ideal Bayesiano" que faz previsões baseado em princípios abstratos de movimento dos objetos. Isso sugere que os bebês estavam fazendo previsões racionais, não apenas respondendo a instintos. Os cientistas avaliam ainda se o raciocínio dá às crianças um meio de fazer inferências detalhadas sobre seu mundo cada vez mais complexo.

O Globo
27.05.2011


terça-feira, 24 de maio de 2011

Astrônomos japoneses descobrem Planetas sem Órbita que vagam sozinhos pelo Espaçoo


Astrônomos japoneses afirmam ter encontrado um novo tipo de "planeta", que fica sozinho no espaço, aparentemente sem orbitar nenhuma estrela.

Em um artigo publicado na revista especializada "Nature", a equipe de cientistas afirmou ter encontrado dez desses novos planetas, que têm o tamanho de Júpiter e não estão ligados a nenhum sistema solar.

Cientistas já suspeitavam que planetas desse tipo existissem no Universo, mas essa seria a primeira evidência concreta de sua presença.

Um dos coautores da descoberta, o professor da Universidade de Osaka Takahiro Sumi, disse que esses planetas ditos "solitários" podem ser tão comuns como são as estrelas na Via Láctea.

"Sua existência já era esperada, tendo em conta a teoria da formação planetária. O que é surpreendente é o quanto eles parecem ser comuns", disse Sumi.



VIA LÁCTEA

Segundo os astrônomos, os planetas estão localizados em uma região conhecida como Bojo Galáctico, que fica no centro da Via Láctea.

Uma das hipóteses exploradas pelos cientistas é a de que os planetas poderiam ter sido expulsos de sistemas solares incipientes por forças gravitacionais ou colisões interplanetárias.

Associated Press

Astrônomos japoneses dizem que os 'novos planetas' teriam o tamanho de Júpiter
De acordo com convenções astronômicas, se um planeta não orbita uma estrela ou um remanescente de uma estrela, ele não pode ser tecnicamente considerado um planeta, mesmo tendo sido formado da mesma maneira.

No entanto, a hipótese dos pesquisadores é que esses objetos foram formados em um disco planetário, como os planetas no nosso Sistema Solar, antes de forças gravitacionais os terem expulsado desses sistemas.

Censo planetário

A equipe estima que pode haver duas vezes mais planetas isolados do que estrelas, o que equivale a dizer que os planetas sem estrelas podem ser tão comuns quanto os planetas ao redor de estrelas.

"Nossa pesquisa é como um censo da população - nós amostramos uma parte da galáxia e, com base nesses dados, pode-se estimar o número total da galáxia," explica Bennett.

"A pesquisa não é sensível a planetas solitários com massa menor do que Júpiter ou Saturno, mas as teorias sugerem que planetas de menor massa, como a Terra, devem ser expulsos de suas estrelas com mais frequência, sendo assim, mais comuns do que os gigantes gasosos isolados," completou ele.

A NASA tem planos de enviar ao espaço um novo observatório - o WFIRST (Wide-Field Infrared Survey Telescope) - que usará o método de microlentes, capaz de fazer estimativas mais precisas de quantos planetas solitários há na Via Láctea.

Com a vantagem de que esse futuro telescópio terá a capacidade para detectar planetas solitários do tamanho da Terra.

8/05/2011 - 23h04
23-05-2011

quinta-feira, 19 de maio de 2011

E se a gente vivesse em Marte?

Não haveria raças diferentes, a fauna e a flora seriam menos 
diversificadas e nosso corpo seria coberto por pêlos.
por Fernando Brito


O mundo seria um mundinho. Marte é bem menor do que a Terra. Para piorar, um oceano se estenderia por quase todo o hemisfério norte e um pedaço do sul - o planeta era assim há bilhões de anos, segundo um estudo da Universidade do Colorado. E só nessas condições poderíamos viver por lá, já que precisamos de água. No fim das contas, a área habitável equivaleria a 18% da superfície da Terra. Seria um sufoco dividir esse espaço. Para manter os padrões terráqueos - uma densidade de 13 habitantes por quilômetro quadrado -, somaríamos apenas 2 bilhões em Marte (e não 6,8 bilhões, como hoje na Terra).

Para a vida se desenvolver, é preciso água, carbono e nitrogênio. Somando um planeta estável e luz solar, apareceriam as primeiras formas de vida. Em Marte, elas seriam parecidas (senão idênticas) às que surgiram na Terra. Teríamos, no entanto, fauna e flora pouco diversificadas. Um dos principais incentivos para a evolução é o isolamento de grupos da mesma espécie, o que leva um dos grupos a se diferenciar do outro com o tempo. Em um mundo de um só continente, essa separação não aconteceria. E novas espécies não surgiriam com tanta frequência. O resultado seria um planeta pobre em plantas e animais.

Haveria algumas diferenças importantes no nosso modo de vida. Faz mais frio em Marte do que na Terra. E a gravidade lá é só 1/3 da terráquea. Voar seria mais fácil: muitos animais desenvolveriam asas ao longo da evolução, e viajar de avião seria mais barato e prático. Para completar, se todo mundo vivesse tanto quanto hoje, a expectativa média seria de 35 anos. Calma, a gente não morreria mais cedo. É que um ano lá tem 668 dias marcianos, ou 687 dias terrestres.


Alô, alô, marciano

Um só povo

Marte teria um único continente cercado por oceanos (ou seja, seria um planeta azul, e não vermelho). Isso influenciaria o desenvolvimento da humanidade. Sem barreiras naturais, não haveria diferenças raciais e culturais na população. Seríamos parecidos e falaríamos a mesma língua em todo o planeta.

Pra onde tenha sol

Por causa da órbita de Marte e de sua inclinação em relação ao Sol, primavera e verão são mais longos no hemisfério norte do que no hemisfério sul. No norte, são 296 dias de frio glacial (contando outono e inverno). No sul, 372. Seria comum ver gente viajar de jatinho pra se bronzear no outro hemisfério.

Homo Tonyramus

A evolução é imprevisível, não dá para saber exatamente como seríamos. Mas provavelmente teríamos pelos grossos pra aguentar o friozinho. Como está mais distante do Sol, Marte recebe só metade da luz que temos na Terra. Já a gravidade menor ajudaria a manter seu bumbum durinho por mais tempo.

Corrida espacial

Marte não tem um satélite como a Lua, que protege a Terra de asteróides e regula sua velocidade e eixo de rotação. Perigo: Marte é mais vulnerável a extinções em massa. Precisaríamos buscar outros planetas para colonizar. Uma opção seria um planeta vizinho, o terceiro em distância do Sol, chamado Terra.

No, não temos bananas

Esqueça coco, jabuticaba, manga. Plantas de grande porte não nasceriam em um planeta com pouca luz, e muitas das nossas frutas (como a banana) dependem de clima tropical. Mas poderíamos cultivar legumes e verduras. E comer carne, principalmente de aves, já que elas existiriam em abundância.

Jogos Olímpicos

Marte tem o monte Olimpo. É a maior montanha do Sistema Solar: 22 quilômetros de altura. Desafio e tanto pra quem quisesse subir ao topo, mas a menor gravidade ajudaria. Em um mundo onde tudo é mais leve, teríamos mais estímulo para praticar esportes como alpinismo e voo livre.


Fontes: 

The World Factbook - CIA; Nasa; Nasa Astrobiology Institute; Planetary Society; 
Departamento de Geologia - Universidade do Colorado; ESA - Agência Espacial Europeia

Revista Super Interessante


O misterioso "planeta marte"!!??